Informação com responsabilidade

NOME NOME

Duas crianças morrem após desabamento de telhado de loja em Fortaleza-CE.

A mãe e três crianças japonesas ficaram soterradas.

Natal/RN:Suspeito de matar ex-policial é preso no Igapó.

O revólver apreendido é pertencente a Polícia Militar, no entanto está com a numeração raspada.

Casal de estelionatários presos por golpe do "envelope vazio" em Natal/RN

A Polícia Civil recomenda a população que costuma negociar bens através de websites, que não efetuem a entrega dos produtos até que o dinheiro tenha sido efetivamente creditado na conta bancária.

Natal/RN:Polícia prende suspeitos que estavam escondidos em pousada na Vila de Ponta Negra.

A dupla foi autuada em flagrante por posse de munição e porte de arma de fogo adulterada.

Quadrilha arromba caixas eletrônicos no centro administrativo em Parnamirim

Os suspeitos conseguiram arrombar com o uso de maçarico e outras ferramentas dois caixas.

Idosa tenta entrar em presídio do RN com celular dentro de pacote de biscoito

A pessoa cortou os biscoitos de uma forma que o celular encaixou direitinho dentro do pacote”.

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Homem é preso suspeito de mandar assaltar amigos de infância em Natal


Casal de empresários havia recebido R$ 30 mil da venda de um carro. PM prendeu suspeito após achar celular dos ladrões no carro das vítimas.
Um homem foi preso na noite desta segunda-feira (31) suspeito de ter planejado um assalto a um casal de empresários. Um detalhe chamou a atenção da polícia: as vítimas são amigos de infância do suspeito. O crime aconteceu na Zona Norte de Natal. De acordo com a Polícia Militar, três criminosos foram contratados para roubar R$ 30 mil que o casal havia recebido da venda de um carro.Ainda segundo a polícia, o suspeito tem 27 anos e planejou a ação porque sabia que os amigos receberiam o dinheiro da venda do veículo. Os amigos de infância são donos de uma loja de carros na Zona Norte da cidade. O assalto aconteceu na hora em que eles foram receber o pagamento pela venda do automóvel. No entanto, o carro do casal possuía um dispositivo antifurto, que cortou a queima de combustível e fez com que o motor deixasse de funcionar.Sem ter como conduzir o carro, os assaltantes o abandonaram. Na fuga, no entanto, deixaram um aparelho celular para trás. A polícia chegou ao mandante do crime porque o suspeito começou a ligar para os assaltantes, fazendo chamadas para o aparelho celular que foi esquecido dentro do automóvel do casal. Preso, o suspeito vai responder pelos crimes de roubo qualificado e associação criminosa. Na delegacia, ele confessou ter planejado toda a ação contra os amigos.
Sem ter como conduzir o carro, os assaltantes abandonaram o veículo. Na fuga, no entanto, deixaram um aparelho celular para trás (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)
G1/RN

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Natal/RN:Bandidos invadem casa, agridem policial militar e roubam arma


Suspeitos fugiram após se assustarem com o vizinho da vítima.
Um policial militar, que terá a identidade preservada, foi alvo da ação de uma dupla de assaltantes, na madrugada desta segunda-feira (31), dentro de casa, no bairro Planalto, zona Oeste de Natal. Os criminosos renderam o PM e a família dele e, agindo de forma violenta, chegando inclusive a agredir o policial com uma coronhada. Os suspeitos fugiram levando uma pistola. De acordo com informações repassadas por uma equipe do 9º Batalhão, que esteve no local do fato, os assaltantes usavam camisetas de cor preta e cinza. Eles não conseguiram levar outros produtos da casa, apenas a arma do policial por que se assustaram com um vizinho que percebeu a movimentação estranha. “O assalto durou pouco tempo, mas foi cometido de maneira bastante violenta”, disse o soldado, que preferiu não ter o nome divulgado. Durante toda a madrugada diligências foram realizadas no intuito de localizar os criminosos que fugiram em direção ao bairro Guarapes. No início da manhã um adolescente foi apreendido como suspeito, mas não foi reconhecido pelas vítimas. O policial militar foi conduzido ao pronto socorro Clóvis Sarinho, onde se submeteu a procedimentos médicos, mas passa bem.


Sergio Costa

Criança de 9 anos morre eletrocutada em cerca elétrica clandestina no RN


O caso aconteceu na tarde deste domingo (30) na Zona Norte de Natal. Mãe da criança disse que a cerca foi armada para proteger galos de briga.
O caso aconteceu na tarde deste domingo (30) na Zona Norte de Natal. Mãe da criança disse que a cerca foi armada para proteger galos de briga.Uma menina de 9 anos morreu na tarde deste domingo (30) eletrocutada em uma cerca elétrica improvisada na casa de um vizinho, onde a criança brincava com uma amiga. O caso aconteceu no bairro de Nossa Senhora da Apresentação, na Zona Norte de Natal. Ana Clarisse dos Santos Silva estava brincando com uma amiga, que é sobrinha da dona da residência. A casa é localizada na avenida Boa Sorte. Testemunhas relataram à polícia que as meninas estavam na área da frente do imóvel. Depois, elas passaram por um portão para a parte de trás da casa, momento em que Ana sofreu o choque. Ana Kelly dos Santos, mãe da criança, disse que a cerca, feita com fios bem finos, foi armada para evitar o roubo de galos de briga que são criados pelo vizinho. A família da vítima prestou queixa na Delegacia de Plantão da Zona Norte. O delegado Custódio Arraes entendeu que o responsável pela cerca deve responder pelo crime de homicídio doloso, quando há a intenção de matar. O caso foi encaminhado para a Delegacia Especializada de Homicídios (Dehom).


G1 RN

Soldado atira e mata cabo da PM após briga dentro de viatura no Recife


PM atirou na cabeça de um cabo que dirigia veículo da Patrulha do Bairro. Crime ocorreu na manhã deste domingo, em Apipucos, na Zona Norte.
O cabo da Polícia Militar Adriano Batista da Silva, 41 anos, morreu após após baleado na cabeça, na manhã deste domingo (30), por um soldado da mesma corporação durante uma briga na Zona Norte do Recife. O crime ocorreu dentro de uma viatura da Patrulha do Bairro, do 11º Batalhão de Polícia Militar. Após a discussão, o soldado que estava no banco de trás atirou contra o cabo, que dirigia o veículo. A vítima foi socorrida e levada para o Hospital da Restauração, na área central da capital, mas não resistiu. O motivo da briga não foi divulgado pela PM.
A Polícia Militar informou que o crime ocorreu quando a viatura passava pelo bairro de Apipucos e que o agressor "foi imediatamente preso e recolhido para o 11° BPM, onde está sendo autuado em flagrante delito." Uma terceira PM, que também estava na viatura e presenciou o crime, "está em estado de choque e deve ser ouvida durante a instrução criminal", segundo o comunicado.
Ainda conforme a PM, "a motivação [da briga] ficará a cargo da instrução criminal. O Comando da corporação tem interesse que o ocorrido seja esclarecido e adotará o rigor da lei, caso não haja dúvida da autoria do PM e motivação fora dos casos de excludentes de criminalidade, previstas em lei penal vigente, de forma justa e exemplar."
Ao final da instrução criminal, o autor do disparo, que não teve o nome divulgado e tem sete anos na PM, poderá ser submetido a um processo de licenciamento e ser expulso dos quadros da corporação.

Bom comportamento
Já o cabo Adriano Batista era natural de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, e estava na corporação há pouco mais de 10 anos. De acordo com a PM, ele era "considerado por todos um bom policial, tinha comportamento excepcional, era casado e tinha um filho".
Em nota, o Comando da PM repudiou "a forma assustadora e violenta em que ocorreu o episódio e já determinou, através do Comando do 11° Batalhão, onde os policiais são lotados, e do Centro de Assistência Social, total apoio aos familiares do PM."

O Comando da corporação ressaltou "que o crime não choca apenas a sociedade, como também os cerca de 20.300 policiais militares, valorosos homens e mulheres, que na causa da segurança pública dedicam suas vidas para proteger o cidadão em todo território estadual, envergando seus uniformes e patrulhando cada região de Pernambuco com suas mais de 1.000 guarnições lançadas diariamente."


G1/PE

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Homem inconformado com fim de relacionamento, ateou fogo em veiculo do casal na cidade de Apodi-RN.


Na manhã desta sexta-feira (28/08), por volta das 09:30hs, um homem inconformado com o fim do relacionamento, ateou fogo em um veiculo do modelo Gol, ano 2003, de cor cinza, pertencente ao casal. O fato ocorreu na estrada carroçável que liga o Sitio Barra a cidade de Apodi, mais precisamente, próximo a uma ponte. Uma equipe da PM esteve no local, onde colher informações sobre o ocorrido, e estas serão repassadas as autoridades competentes. " Populares ligaram informando que um carro estaria pegando fogo próximo ao Sitio Barra, e ao chegarmos no local constatamos a veracidade da informação. O veiculo já estava totalmente queimado, e não tinha ninguém no local, e segundo populares, o carro pertence a um técnico em refrigeração veicular, e o mesmo teria colocado fogo no veiculo, após ter terminado seu casamento, e acreditamos que este tenha sido o real motivo do mesmo ter ateado fogo no veiculo", disse um dos PMs que atenderam a ocorrência.
F5/Foto GTO

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Homem confessa ter matado mulher e filha de 8 meses em casa de veraneio no Ceará


O homem suspeito de matar a mulher e filha de oito meses, na cidade Paracuru, no Ceará, confessou o crime, na tarde segunda-feira. De volta à casa de veraneio da família, onde Adriana Pessoa de Carvalho Moraes, de 38 anos, o bebê foram encontrados mortos, na manhã do último domingo, Marcelo Barberena Moraes, de 37 anos, assumiu a responsabilidade pelo duplo homicídio. “No momento em que fazíamos a nova perícia, ele começou a chorar e confessou o crime. Afirmou que discutiu com a Adriana e pegou a arma que estava guardada em um armário e atirou nas vítimas”, disse a delegada Socorro Portela, diretora da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que comanda as investigações. De acordo com a polícia, a mulher, que estava casada com Moraes há 12 anos, foi atingida por um tiro na cabeça e a filha deles, nas costas. O homem foi autuado em flagrante e está preso na Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) do Ceará. Na casa do casal, durante a madrugada desta segunda-feira, no Bairro Cocó, em Fortaleza, investigadores encontraram revólveres calibre 22 e 32, espingarda de pressão, além de cinco garruchas (arma de fogo de cano curto, semelhante a uma pistola ou revólver), três dardos e munições. Todo o material apreendido foi encaminhado à sede da DHPP. Segundo Socorro, Moraes não tinha permissão de guardar armas de fogo em sua casa. Ele alega as armas foram herdadas de familiares. De acordo com a polícia, inicialmente, Marcelo negou o crime. No dia anterior ao crime, ele comemorava seu 37° aniversário. Além do casal e da filha, estavam na casa o irmão, a cunhada e duas sobrinhas de Marcelo e a outra filha do casal, de sete anos. Segundo a delegada Socorro Portela, da DHPP, a polícia foi acionada após vizinhos ouvirem dois disparos vindos da casa. As testemunhas, no entanto, afirmaram na delegacia que não ouviram o barulho de tiros.A casa estava toda trancada, não havia sinais de arrombamento. Mesmo assim, Marcelo negou o crime e disse que alguém poderia ter invadido a casa. O suspeito foi preso em flagrante. Ainda estamos investigando as possíveis motivações para o crime, mas pode ter sido ciúmes - explicou a delegada, destacando que Marcelo não tem antecedentes criminais - disse Socorro. Em depoimento, as testemunhas afirmaram que, na noite anterior, haviam ingerido duas garrafas de vinho e metade de um espumante. No entanto, disseram que ninguém ficou embriagado. Na casa, foi encontrado um revólver de calibre 38 escondido na cadeirinha do bebê. Além dele, foram apreendidas outras oito armas no local - nenhuma delas registrada. A filha do casal de sete anos está sob os cuidados dos avós maternos. Segundo a delegada, o casal se conheceu em Londres, onde Adriana morou por três anos e Marcelo, por quase dois anos. A mulher trabalhava em uma empresa multinacional e o suspeito era gerente de uma loja de móveis. Nas redes sociais, amigos de Adriana lamentaram a morte. “Vai fazer muita falta!!! Te amo amiga”, escreveu uma pessoa. “ Adriana, amada, que Deus esteja com vocês! Ainda profundamente chocada, desejo força aos familiares”, publicou outra amiga.

Anão é assassinado a tiros na cidade de Alexandria-RN


Francisco Ataíde Batista de 25 anos de idade, natural da cidade de Paulista no estado da Paraíba, foi morto com cerca de 10 disparos de arma de fogo, na noite de ontem 25 de agosto de 2015, na localidade de Sitio Paratis, zona rural de Alexandria, onde seu pai trabalha como produtor rural. Os pistoleiros utilizaram pelo menos dois tipos de arma, sendo uma delas pistola. Segundo informações, Ataíde, que era anão, estava retornando do enterro de um familiar quando foi surpreendido pelos atiradores. Ele morreu no local. Familiares de Ataíde que residem no Rio Grande do Norte, não tem muitos detalhes sobre a vida e as ações dele, mas segundo informações, o anão sabia muito e falava demais. A Polícia tenta localizar e prender os pistoleiros. O corpo de Francisco Ataíde Batista foi removido ainda na noite de ontem e necropsiado na manhã de hoje no Instituto Técnico e Cientifico de Polícia, Itep, Regional de Mossoró e será velado e sepultado na cidade de Paulista, na Paraíba onde residia.

Informações Marcelino Neto
O Câmera

Criança sofre descarga elétrica e morre em Nova Cruz/RN


''O pai que me deu, pegou de volta, deixou de lembrança os lindos momentos que passamos juntos e a certeza que nunca te esquecerei, meu filho, amor da vida de paim, deus agora dai-me só o conforto no coração.'' disse o pai da criança. Uma Criança de 2 anos e seis meses de idade,filho de Renilda Ramos e Jair Silva, morreu na tarde desta terça feira 25 de Agosto, após sofrer uma descarga elétrica em sua casa no Bairro Frei Damião na Cidade de Nova Cruz-RN. Segundo informações a criança estava em casa quando sofreu o choque e veio a óbito. O garoto residia na Rua Carlos Alexandre no bairro do Frei Damião onde morava com a mãe e mais dois irmãos. LAMENTÁVEL.

 Jair Silva

Tangará RN: Mãe e filho são atropelados enquanto caminhavam na BR 226,criança não resiste e vem a óbito no local.


Por volta das 17h00 da tarde desta terça feira (25), uma criança de apenas 9 anos de idade veio a falecer vítima de acidente na BR 226, o acidente aconteceu no inicio da zona urbana, próximo a rua Santa Rita. Segundo populares a criança estava acompanhada com a sua mãe quando foi atingida pelo veículo tipo Gol, de placas (NOH-6135 Natal/RN) logo após o acidente a exercícios mãe foi socorrida e levada ao hospital para os primeiros socorros, já a criança faleceu no local. A policia Civil e Militar já estão no local do acidente, já isolaram e aguardam a chegada da Polícia Técnica para a remoção do corpo. Segundo ainda informações um senhor que trafegava em uma moto se assustou com o acidente e perdeu o controle do veículo e foi socorrido com uma luxação na clavícula.


 Robson Freitas

terça-feira, 25 de agosto de 2015

PM prende dupla suspeita de assaltar Correios no RN e recupera dinheiro


Crime aconteceu na manhã desta terça-feira (25) na cidade de Taipu. Presos foram levados para a sede da Polícia Federal em Natal.
Policiais militares prenderam na manhã desta terça-feira (25) dois foragidos da justiça após praticarem um assalto a agência dos Correios da cidade de Taipu. A PM recebeu a informação que estaria acontecendo um assalto em andamento na unidade. Quando os militares chegaram perceberam que ninguém estava saindo, só entrando, fecharam o cerco e aguardaram a saída dos criminosos. “Ficamos em alerta e vimos um veículo em atitude suspeita. Quando eles viram as armas de cano longo, já se renderam”, disse o Tenente Herculano. Diego Caio da Costa Sousa, foragido do sistema prisional de Mossoró, e Francisco Eder Oliveira Araújo, com mandado de prisão em aberto, foram surpreendidos e presos de posse de duas armas e o dinheiro que seria roubado. A dupla foi conduzida à Delegacia de Polícia Civil e será encaminhada ao Sistema Prisional.


segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Metralhadora é furtada de dentro de delegacia em Natal/RN


Caso foi registrado no final de semana, no bairro de Lagoa Nova.
Uma metralhadora calibre ponto 40 foi furtada de dentro da 5ª DP, delegacia localizada no bairro de Lagoa Nova, em Natal. O crime aconteceu no final de semana, após um bandido ou mais de um invadirem o prédio da unidade policial, que funciona em uma casa adaptada.
A informação foi confirmada pelo delegado Elói Xavier, titular da 5º DP. O furto aconteceu após o criminoso entrar por dentro de uma caixa de ar-condicionado e, em seguida, arrombar a porta da sala do chefe de investigação.
A metralhadora estava dentro de um armário e foi a única arma furtada do local. O delegado também informou que o caso já está sendo investigado, mas ainda não se tem informações sobre o suspeito ou suspeitos.
O prédio da 5º DP é fechado durante os finais de semana e não conta com nenhum policial de plantão para a segurança da unidade.

Furto de armas em Cerro-Corá

Também neste final de semana, duas armas tinham sido furtadas do Destacamento da Polícia Militar na Cerro Corá. As duas pistolas foram recuperadas pouco tempo depois e dois homens foram presos.

Sergio Costa

Delegada autua em flagrante advogado suspeito de assassinar a esposa e a filha de 8 meses em Paracuru-CE


Adriana e a pequena Jade foram mortas a tiros. Marcelo Barberena já está preso. O advogado gaúcho Marcelo Barberena Moraes, 37 anos, foi autuado em flagrante delito, na madrugada desta segunda-feira (24), da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), em Fortaleza, acusado da prática de duplo homicídio triplamente qualificado. Ele é acusado de assassinar a esposa e a filha mais nova do casal, um bebê de apenas 8 meses de vida. O crime chocou a população da cidade de Paracuru, no litoral Oeste do estado (a 100Km de Fortaleza). O advogado e a esposa, Adriana Moura de Pessoa Carvalho Morais, 38, haviam ido passar o fim de semana naquela cidade e alugaram uma casa de veraneio no bairro Campo de Aviação. Firam comemorar o aniversário dele. Na casa, estavam as duas filhas do casal, além do médico gaúcho Rafael Barberena, irmão de Marcelo, a esposa deste, Ana Carolina Villas-Boas e um filho. Pela manhã, por volta de 5h50, Rafael liga para a Polícia e afirma que a casa está sendo assaltada. Quando PMs chegam ao local encontram os corpos de Adriana Moura e do seu bebê, a pequena Jade Pessoa de Carvalho Moraes, 8 meses.
Foto Diário do Nordeste
O advogado disse que não ouviu nada de estranho durante a madrugada. O irmão dele afirmou ter ouvido estampidos durante a madrugada. O crime causou revolta na população. A residência foi isolada e os três adultos que estavam no imóvel foram detidos para investigações e saíram de Paracuru em viaturas do Comando Tático Rural (Cotar) e trazidos para Fortaleza, onde foram submetidos a exames na sede da Perícia Forense do Estado (Pefoce). 

Flagrante 
Diante das versões contraditórias sobre o que aconteceu no interior da residência e a descoberta de uma arma de fogo (revólver de calibre 38) escondido em um bebê-conforto, a diretira da DHPP< delegada Socorro Portela, decidiu autuar em flagrante o advogado. Ela nega o crime, mas afirma que o casal estava passando por uma crise no relacionamento. Marcelo Barbebera e a esposa vieiram de sua terra natal, Porto Alegre (RS) morar em Fortaleza.De classe média alta, o casal morava no bairro Cocó. Tinha duas filhas, uma de 9 anos e o bebê de 8 meses. Uma pista está sendo investigada pela Polícia. Mesmo negando o crime, o advogado teria confessado a um familiar, através de mensagem no WhatsApp que tinha cometido o duplo homicídio. Os corpos de Adriana e da filha permanecem no necrotério da Coordenadoria de Medicina Legal (Comel), aguardando a chegada de familiares para providenciar a liberação e o sepultamento. 

 Fernando Ribeiro

Mãe e filha de oito meses são assassinadas dentro de casa de veraneio no Ceará


Segundo o comandante de Paracuru, capitão PM Charles Robert, três pessoas que estavam na casa de veraneio foram encaminhadas à Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) para prestar depoimento, sendo o esposo da vítima, o cunhado e a esposa dele
Uma mãe e a filha de oito meses foram encontradas mortas a tiros em uma casa de veraneio localizada em Paracuru, distante 87 km de Fortaleza, às 6h deste domingo, 23. O crime ocorreu em uma residência situada na avenida João Lopes do Meireles, bairro Campo de Aviação. Elas moravam na capital e estavam passando o final de semana no município, juntamente com o marido e pai do bebê; e o cunhado e a companheira dele.

Conforme informações do CPI, o caso aconteceu por volta das 2h da manhã, mas somente às 6h a Polícia Militar foi chamada para averiguar o caso. De acordo com o sargento Nonato Carvalho, da 2ª Companhia do 11º Batalhão da Polícia Militar (BPM) de Paracuru, os policiais foram acionados sobre uma ocorrência de roubo com dois mortos.

Segundo o relatório da PM sobre o caso, a criança apresentava um tiro nas costas que transfixou, enquanto a mulher estava numa cama com manchas de sangue na cabeça. Um revólver calibre 38 foi encontrado na cena do crime, além de um projétil da arma de fogo. A moça assassinada foi identificada como Adriana Moura de Pessoa de Carvalho Morais, 38 anos, residente do bairro Cocó, em Fortaleza, e a criança, Jade Pessoa Carvalho Morais, nascida em dezembro de 2014.

"Eles solicitaram a PM nesse sentido, que tinham sido vítimas de roubo. Depois, os policiais fizeram averiguação preliminar do local e não encontraram sinais de arrombamento", disse o sargento.


Segundo o comandante de Paracuru, capitão PM Charles Robert, três pessoas que estavam na casa de veraneio foram encaminhadas à Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) para prestar depoimento, sendo o esposo da vítima, o cunhado e a esposa dele.

Arma

A Perita Sônia Silva, da Perícia Forense do Estado do Ceará, informou que encontrou o revólver calibre 38 no bebê conforto da criança. A arma foi encaminhada à Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e deve passar pelo exame de balística nesta segunda-feira, 24. 

"Estava no bebê conforto. Eu estava indo embora quando olhei, estava em cima da mesinha e pedi para ver o bebê conforto. A arma estava embaixo do forro, bem no cantinho. A pessoa colocou a arma em pé. Ninguém nunca poderia imaginar que estivesse um revólver ali", relatou. 

Segundo a perita, as duas foram mortas enquanto dormiam. A mãe foi atingida com um tiro na cabeça e a criança nas costas. 

Foi realizada a perícia no local e o exame de parafina nos parentes que estavam na casa. De acordo com o capitão Charles Robert, um exame de DNA também será feito na arma no intuito de encontrar algum vestígio do autor.

Versão do esposo 
Conforme o comandante da PM, quem acionou a Polícia foi o marido da vítima. “Ele acionou a Polícia. Segundo a versão dele, acordou 6 horas e foi olhar a esposa, que dormia em outro quarto. Quando mexeu nela notou que estava fria, então viu o sangue e percebeu que estava morta. Depois viu que a criança também estava morta”, contou.

Ainda conforme o capitão, o esposo de Adriana disse que a porta da casa estava aberta e que não ouviu o barulho dos disparos. “Ele conta que a porta da casa estava aberta e que não escutou barulho de tiro, quem ouviu foi a esposa do cunhado, por volta das 2 horas da madrugada, mas não sabia realmente se era de tiro", relatou.

A diretora da Divisão de Homicídios e Proteção á Pessoa (DHPP), Socorro Portela, confirmou que os parentes estavam na sede da DHPP e que prestavam depoimento acerca do crime. A delegada informou que estava avaliando o caso.

Redação O POVO Online

Preso é encontrado morto na Cadeia Pública de Natal


Delegacia Especializada de Homicídios foi acionada pela direção da unidade.
Um preso da cadeia pública de Natal, também conhecida como presídio provisório, foi encontrado morto, na manhã desta segunda-feira (24), no interior da cela 01, da ala A. Cassiano Henrique Galvão está amarrado com uma corda presa ao pescoço, porém a direção da unidade pediu a presença da Delegacia Especializada de Homicídios para apurar o fato. De acordo com Dinorá Simas, diretora da cadeia, cerca de 200 presos dividem a mesma ala que para ela é de alguma forma estranho nenhum ter impedido o que aparentemente foi um suicídio. “Imediatamente nós entramos em contato com a 2ª Delegacia de Plantão e com a Dehom, pois temos que apurar o que de fato aconteceu se foi suicídio ou um assassinato”. Disse. A equipe de agentes aguarda reforço policial para entrar na cela juntamente com os policiais civis e peritos do ITEP. A cadeia Pública de Natal abriga cerca de 400 presidiários já julgados e outros que aguardam a decisão da justiça.

 Sergio Costa