NOME NOME NOME NOME NOME

domingo, 25 de dezembro de 2016

Norte-americano é morto a facadas durante festa de Natal em Goiás



Forest Michael Platz, de 48 anos, se desentendeu com um homem durante o evento e acabou sendo assassinado na frente da família.
Forest Michael Platz morava em Goiânia há três anos. (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
Um Norte Americano que residia em Goiânia foi morto a facadas na madrugada deste domingo (25) durante uma festa de Natal no Setor Leste Universitário em Goiania.
Segundo o delegado Carlos Caetano, da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), Forest Michael Platz, de 48 anos, era de Orlando, nos Estados Unidos, e morava há três anos em Goiânia com a companheira brasileira e uma filha de dois anos. Ele reuniu a família e os amigos na noite de sábado (24) para celebrar o Natal, mas, após consumir bebidas alcoólicas, começou uma discussão que culminou com a sua morte.
De acordo com informações do site mais goias tudo começou quando Forest começou a discutir com a sua companheira e a mãe dela tentou intervir. Nesse momento, o estadunidense teria empurrado a sogra e então o namorado dela, o serralheiro Marcelo da Cruz Cardoso, de 32 anos, entrou na briga e acabou desferindo diversas facadas na vítima.
Forest não resistiu e morreu ainda no local. Já Marcelo fugiu, mas foi encontrado pela Polícia Civil horas após o crime, perto de Trindade. Na delegacia, ele confessou o crime e alegou que cometeu o homicídio para se defender.
Marcelo, que namorava a mãe da companheira de Forest há cerca de três meses, não possui passagens pela polícia, mas está sendo investigado por uma tentativa de homicídio em Firminópolis, onde ele teria agredido a vítima com um facão no dia 20 de setembro. "Ele atingiu a vítima pelas costas e também alegou legítima defesa", ressaltou o delegado.
Ainda de acordo com Carlos Caetano, a companheira de Forest disse que ele nunca a agrediu e que apenas aconteciam discussões esporádicas entre eles.
Reprodução/Instagram

Com informações do Mais Goias

comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog