NOME NOME NOME NOME NOME

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

PM é preso suspeito de matar namorado de amante em Manaus



A polícia procura a namorada da vítima, que seria cúmplice do homicídio – foto: divulgação
O soldado da Polícia Militar Denisson Queiroz de Souza, 26, foi preso na manhã desta segunda-feira (19), em cumprimento a um mandado de prisão. O suspeito foi encontrado na avenida Noel Nutels, bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus-AM. Denisson é suspeito de ter matado Lucas dos Santos, 21, na última quarta-feira (14).
A namorada da vítima, Adriane Santos Vitor, e um amigo de Denisson também estão sendo procurados pela Polícia. De acordo com as investigações, os dois teriam sido cúmplices no homicídio.
Segundo Jeff Mac Donald, delegado do 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), o mandado de prisão com o nome do PM foi expedido na última sexta-feira (16) pelo juiz do 3° Tribunal do Júri, Mauro Moraes Antony. O delegado declarou também que Adriane, namorada de Lucas, mantinha um caso com Denisson. As informações do delegado afirmam que Lucas foi morto a tiros efetuados pelo PM. O crime ocorreu em frente à residência de Lucas, no núcleo 4 da Cidade Nova.
“Tudo indica que Adriane e Denisson armaram uma emboscada para Lucas. Os infratores chegaram ao local do crime a bordo de um carro modelo Gol de cor vermelha. Descobrimos que a companheira da vítima está desaparecida desde o dia do assassinato. De acordo com o autor do disparo, a jovem e outro comparsa estavam dentro do veículo. Denisson afirmou, em depoimento, que o crime foi planejado após uma briga que aconteceu na noite do dia 13 deste mês, quando Lucas descobriu que Adriane tinha um relacionamento amoroso com outro homem”, informou o delegado.
Denisson foi indiciado por homicídio. O soldado que era lotado na 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), será encaminhado ao Núcleo Prisional Militar (NPM), onde vai permanecer à disposição da Justiça.

Ana Sena
Jornal AGORA/Em tempo



comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog