NOME NOME NOME NOME NOME

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Mãe de menina de 2 anos morta por bala perdida faz post emocionante



Lara Sofia morreu após ser atingida por uma bala perdida durante uma perseguição policial, na noite deste sábado (21).
A mãe da menina morta neste sábado (21), vítima de bala perdida no Rio de Janeiro, utilizou o Facebook para fazer um texto emocionante. Ana Sofia, de 2 anos, foi atingida por um tiro dentro de uma lanchonete do Habib’s, em Irajá, Zona Norte do Rio.
“Deus me deu, Deus tomou. Hoje eu perdi o meu anjo. Um anjo que com 2 anos e 7 meses, me ensinou as melhoras coisas da vida. Me ensinou a amar, me ensinou a viver, me ensinou o que é ter uma amiga de verdade… amigas pra sempre, como ela mesma dizia. Ela foi o melhor de mim, era o meu grude, era a minha vida!
Estou pedindo forças a Deus, e querendo acreditar que isso tudo está sendo um sonho. Espero que Deus me ensine a viver sem ela. E que, eu tenho certeza, ela está muito feliz. Ela era uma criança muito feliz, ela comemorava a vida dela todos os dias. Todos os dias cantávamos parabéns pra ela. Agora ela virou minha estrelinha, e que ela continue brilhando pra sempre, agora no meu coração. Eu te amo, minha filha, minha amiguinha!”, escreveu a mãe.
Lara Sofia foi atingida com uma bala perdida em um ponto próximo à boca. Ainda foi levada para o Hospital Getúlio Vargas, pelos policiais militares, mas chegou sem vida à unidade.
Imagens exibidas em um vídeo mostram o momento em que o pai da menina corre com ela nos braços, pedindo socorro. O criminoso envolvido na perseguição, Thiago Rodrigues dos Santos, foi preso.
A criança era filha de um soldado do 16º BPM (Olaria). Por um áudio do WhatsApp, ele contou, muito emocionado, aos colegas do batalhão sobre a morte da criança: “Amigos do 16º, foi minha filha, foi minha filha. Foi uma perseguição vinda da (comunidade) Para-Pedro. Minha filha estava brincando no parquinho do Habib’bs de Irajá, e o tiro que o vagabundo deu atingiu minha filha. Ela não resistiu”, disse, chorando.


Metropolis

comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog