NOME NOME NOME NOME NOME

domingo, 26 de março de 2017

DHPP prende jovem que atropelou mulher na BR-116, fugiu e ocultou parte do corpo da vítima no CE



A Polícia Civil deu cumprimento a uma ordem judicial e prendeu nesta quinta-feira (23), no Município do Eusébio, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), o jovem Marluan Teixeira Freire, 23 anos. Ele é acusado de um acidente de trânsito em que atropelou uma mulher de 52 anos, que teve o corpo partido. Após o desastre, o atropelador fugiu com parte do corpo da pedestre e praticou o crime de ocultação de cadáver.
Policiais da Divisão de Homicídios e proteção à Pessoa (DHPP), localizaram Marluan. Ele estava escondido na casa de amigos, na cidade do Eusébio e o levaram para a carceragem daquela Especializada, no bairro de Fátima.  Marluan foi indicado em inquérito pelos crimes de homicídio qualificado, fraude processual e ocultação de cadáver.

Velocidade
O caso ocorreu no dia 12 de março na rodovia federal Santos Dumont, a BR-116, na altura do quilômetro 10, no bairro Messejana. Era por volta das 20 horas, quando Marluan, dirigindo um carro em altíssima velocidade, atropelou a empregada doméstica Francisca Sulamita dos Reis Marques, 52 anos, que atravessava a rodovia na tentativa de voltar para casa após mais um dia de trabalho.
O impacto da colisão do veículo com a pedestre foi tão grande que o corpo de Sulamita foi partido ao meio. A parte inferior foi encontrada no local e o restante somente no dia seguinte em um terreno baldio no bairro Ancuri.
Através de investigações conjuntas entre o Departamento de Inteligência Policial (DIP), DHPP e o 6º DP (Messejana), foi  possível identificar o atropelador e localizar o veículo, que, após ser adulterado, foi deixado em uma oficina mecânica, no bairro Pedras. Pressionado diante da caçada policial no seu encalço, Marluan se apresentou à Polícia dois dias depois do fato e contou a sua versão, chegando a confessar o crime. No entanto, como não havia situação de flagrância nem ordem judicial para prendê-lo, ele foi liberado logo após prestar depoimentos no 30º (São Cristóvão)  e no 6º DP (Messejana).
Contudo, depois disso, fugiu por acreditar que a Polícia iria encaminhar à Justiça o pedido de decretação de sua prisão. Ontem, finalmente, foi localizado e já está atrás das grades. 

Por Fernando Ribeiro

comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog