NOME NOME NOME NOME

segunda-feira, 3 de abril de 2017

Exames de DNA atestam troca de bebês em maternidade há 32 anos



Eliane (à esquerda) irmã e biológica de Keila (à direita). Reprodução/Facebook
Duas mulheres foram trocadas logo após nascerem, há 32 anos, no Hospital Municipal de Quirinópolis, sul de Goiás. A troca foi confirmada por exames de DNA. Ainda não há informações sobre a causa da troca de Keila Martins Borges e Elisângela Vicente Maciel. Envolvidos ainda tentam entender e lidar com a situação. As informações são do portal G1.
Elas nasceram em 15 de maio de 1984. As suspeitas das trocas surgiram há dois meses, quando uma prima de Keila viu, em uma igreja, uma mulher muito parecida fisicamente com ela.A mulher em questão tem 38 anos e é irmã biológica de Keila. A família diz ter certeza da troca e que os exames foram feitos apenas para fins oficiais.
“Eu já esperava. Desde o primeiro momento já achei que não precisava de exame. Ficou todo mundo assustado, deu um nó na nossa cabeça, mas fiquei feliz porque já gosto muito da minha nova família. Não quero e nem vou perder minha mãe que me criou, mas também não vou abrir mão da minha mãe de sangue. Quero ter as duas”, disse Keila ao G1.
O portal procurou Elisângela, mas o marido disse que ela não queria se pronunciar sobre o caso.

comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog