NOME NOME NOME NOME NOME

sábado, 22 de julho de 2017

Adolescente surdo mudo é assassinado por não ouvir ordens de bandidos durante assalto em bar na Paraíba



Um adolescente Gabriel Santos Silva, de 17 anos, que era surdo mudo, foi assassinado a tiros durante um assalto a um bar na cidade de Pedras de Fogo, na região da zona da mata paraibana, na noite desse sábado (21).  Ele não obedeceu a ordem dos criminosos por ter problemas auditivos e foi morto.
De acordo com o cabo Jovelino, do 1º Pelotão de Pedras de Fogo, quatro homens chegaram em uma motocicleta nem um bar no sitio Fazendinha, zona rural da cidade, e anunciaram o assalto.
“Os clientes foram feitos de reféns assim como os proprietários. Os quatro bandidos chegaram em uma motocicleta e ao anunciarem o assalto, eles começaram a dar ordens às pessoas, mas como o adolescente era surdo mudo não atendia aos comandos. Ao se assustar com a situação, o menor correu  e foi baleado nas costas. O adolescente morreu no local”, explicou o cabo.
Os suspeitos fugiram levando o veículo do proprietário do bar e outros pertences das vítimas. Até a publicação da reportagem, ninguém tinha sido preso.
O corpo do adolescente foi trazido para a Gemol de João Pessoa.

PB Hoje

comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog