NOME NOME NOME NOME NOME

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Criminosa comandava bandidos para ter joias e caminhonetes em MT



Alessandra Machado, 19 anos, tem envolvimento com assaltos a residências de luxo na região Norte do Estado.
A Polícia Civil de Colíder (650 km ao Norte Cuiabá) cumpriu o mando de prisão contra Alessandra Machado, 19 anos, na tarde de segunda-feira (4). Ela é apontada como mentora de ao menos três  assaltos a casas de classe média na cidade.
O objetivo da criminosa era adquirir produtos de luxo, como caminhonetes e joias.
“Ela é bem influente na cidade e sempre esteve envolvida com criminosos, inclusive em relações amorosas. Temos informações de que ela faz parte do Comando Vermelho”, explica o delegado Ruy Guilherme P. da Silva.
Conforme a Polícia Civil, a criminosa recrutava os bandidos e indicava os alvos, sempre visando o lucro do crime. Segundo as investigações, ela tinha relação, inclusive, com bandidos de cidades vizinhas, como Sinop (500 km ao Norte).
Em um dos roubos, ocorrido no dia 9 de março, na casa de um professor de 57 anos, os bandidos surpreenderam a família dentro da residência. A vítima contou que ao chegar em casa, percebeu movimentação estranha e ao entrar foi rendido por dois criminosos, um deles armado. Os bandidos exigiam dinheiro e joias e ainda ameaçaram de morte os moradores caso não conseguissem. Diante da violência, a vítima informou que havia dinheiro no quarto.
Os criminosos deixaram a casa levando celulares, joias (corrente, anéis, brincos), relógios, notebook, câmeras fotográficas, pares de tênis e R$ 3,1, mil, e a caminhonete Toyota Hilux.
A ação foi batizada de Operação Alerquina, uma alusão à personagem fictícia companheira do coringa, palhaço no mundo do crime e adotado por indivíduos que praticam roubos.

Repórter MT

comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog