NOME NOME NOME NOME NOME

segunda-feira, 5 de março de 2018

Juiz solta ‘loira do crime’ e mais cinco de bando que ostentava na internet



A quadrilha é responsável pelo roubo de 10 agências em Mato Grosso, das quais levaram cerca de R$ 5 milhões.
Conhecida por ostentar nas redes sociais, a ‘loira do crime’, Lúbia Camilla Pinheiro Gorgete teve a prisão revogada juiz Marcos Faleiros, da 7ª Vara Criminal de Cuiabá. Junto com Lúbia, outros cinco integrantes da quadrilha especializada em roubos a bancos também ganharam a liberdade.
Os outros criminosos foram identificados como Thassiana Cristina de Oliveira, Jurandir Benedito da Silva, Diego dos Santos, Kaio da Silva Nunes Teixeira e Hian Vitor Oliveira Cavalcanti.
Todos passarão a ser monitorados pela Justiça por meio de tonozeleira eletrônica. A decisão foi proferida na última segunda-feira (26).
“Já com relação aos acusados [...] embora existam fortes indícios da participação na organização criminosa, revendo decisão anterior, entendo que suas prisões devem ser revogadas, pois ficou demonstrado que os acusados são primários, possuem residência fixa no distrito da culpa e há possibilidade de constituir emprego lícito”, justifica o magistrado em sua decisão.

A organização criminosa
Lúbia foi presa durante a "Operação Luxus", deflagrada pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), no dia 4 de maio de 2017. Foram expedidos 17 mandados de prisão pela Vara do Crime Organizado de Cuiabá e pela Comarca de Poconé (100 km de Cuiabá). Todos foram cumpridos.
Ainda em maio, ela conseguiu prisão domiciliar por ter duas filhas menores de idade. No entanto, a Justiça constatou que nenhuma das meninas mora com Lúbia, pois ela perdeu, em 2015, a guarda de uma das garotas e a segunda filha mora com outras pessoas.
A quadrilha é responsável pelo roubo de 10 agências em Mato Grosso, das quais levaram cerca de R$ 5 milhões. 
Na mesma decisão, Faleiros manteve a prisão de outros oito integrantes do bando. São eles: Gilberto Silva Brasil, Marcos Vinicius Fraga Soares, Cleyton Cesar Ferreira De Arruda, Robson Antônio da Silva Passos, Junior Alves Vieria, Augusto César Ribeiro Macaúbas, Julyender Batista Borges e Elismar de Arruda Figueiredi.

Repórter MT

comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog