NOME NOME NOME

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Ex de Richthofen deixa penitenciária para cumprir regime aberto



Daniel Cravinhos está preso desde 2002, condenado a 38 anos de reclusão.
Daniel Cravinhos saiu da Penitenciária de Tremembé. (Foto: R7/Paulo Pinto/Estadão Conteúdo/23.01.2006)
Condenado pelo assassinato do casal Manfred e Marísia Von Richthofen, pais de Suzane, Daniel Cravinhos de Silva e Paula deixou a Penitenciária de Tremembé, no interior de São Paulo, na tarde desta terça-feira (16), e passa a cumprir pena em regime aberto. Em 2002, quando o crime aconteceu, Daniel e Suzane Von Richthofen eram namorados.
Daniel estava preso desde novembro de 2002, quando foi condenado a 38 anos, 11 meses e 17 dias de reclusão. A decisão da Justiça de São Paulo, no entanto, determinou que a pena passe a ser cumprida em regime aberto. A informação foi confirmada pela SAP-SP (Secretaria de Administração Penitenciária do Estado de São Paulo).
Em agosto do ano passado, o irmão de Daniel, Cristian Cravinhos, outro condenado por participação na morte do casal, também deixou a Penitenciária de Tremembé  para a pena em cumprir regime aberto.
Suzane continua cumprindo pena na Penitenciária de Tremembé. Em 2002, ela foi condenada a 39 anos de detenção. Em dezembro do ano passado, Suzane recebeu autorização da Justiça para estudar dentro do presídio.

R7

comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog