NOME NOME

segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Adolescente comete suicídio por não querer ser “amante” do pai



Drama foi revelado em uma carta de despedida deixada pela maranhense Érica Neves, 19 anos, onde ela conta que era violentada desde os 15 anos. A mãe, que também foi presa, saberia de tudo.
Érika era obrigada a manter relações sexuais com o pai, enquanto a mãe sabia de tudo. Foto: Facebook/Reprodução
Um casal foi preso na cidade de Governador Newton Bello, no Maranhão, suspeito de abusar sexualmente da filha, que cometeu suicídio por conta da rotina de abusos. O crime foi descoberto em uma carta de despedida deixada por Érica Neves, 19 anos, onde ela conta que era violentada desde os 15. Ela era obrigada a manter relações sexuais com o pai, Edmar Cavalcante Neves, de 46 anos.
Segundo a vítima, a mãe, Rosinete Lima Neves, de 40 anos, sabia de tudo. Com a denúncia, os suspeitos foram chamados para prestar depoimento. Os celulares da adolescente e do casal foram apreendidos, e o crime ficou constatado através de mensagens trocadas em um aplicativo.
Os dois foram autuados pelo crime de estupro qualificado. Foto: Polícia Civil/Divulgação
Edmar e Rosinete foram presos na loja de propriedade do casal. Os dois foram autuados pelo crime de estupro qualificado, por conta da idade da vítima quando os abusos começaram. Os dois foram encaminhados ao presídio, onde permanecem aguardando julgamento.

comentário(s) pelo facebook:

2 comentários:

  1. SE SUICIDA após ESTUPRO, reporter desgraçado defensor de macho tarado de merda. Que ódio!

    ResponderExcluir
  2. Espero que esses 2 monstros apodreçam na cadeia,infelizmente a garota foi fraca ela deveria ter denuncia principalmente o cretino o lixo do pai dela.

    ResponderExcluir

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog