NOME NOME

segunda-feira, 13 de julho de 2020

Adolescente mata amiga com tiro acidental após pegar arma do pai em condomínio de luxo em Cuiabá


No local foram encontradas sete armas de fogo do proprietário da residência que é atirador esportivo. Vítima é filha de médico neurocirurgião que morreu em um acidente há dois anos.
Isabele Guimarães Ramos, de 14 anos, morreu ao ser atingida por tiro na cabeça no condomínio Alphaville, em Cuiabá — Foto: Instagram/Reprodução
Uma adolescente de 14 anos morreu na noite desse domingo (12) depois de ser atingida por um tiro acidental feito pela amiga dela, em um condomínio de luxo, em Cuiabá. De acordo com a Polícia Militar, a jovem que atirou tem a mesma idade e pegou a arma do pai dela, que é atirador esportivo.
A vítima, Isabele Guimarães Ramos, 14 anos, foi atingida por um tiro na cabeça. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi ao local, mas ela já havia morrido. Ela foi encontrada no banheiro da residência.
A situação ocorreu por volta de 22h30 no condomínio Alphaville 1, localizado no bairro Jardim Itália.
Segundo a PM, o acidente ocorreu na casa da adolescente que atirou. O local foi isolado e a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), assim como perícia técnica, também foram chamados.
Na residência foram encontradas sete armas de fogo que pertencem ao pai da jovem que disparou.
Não há informações se havia outros adolescentes no local ou se algum adulto estava na casa.
Isabele era filha do médico neurocirurgião Jony Soares Ramos, de 49 anos, que morreu em um acidente, em junho de 2018 na Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251), em Cuiabá. Ele pilotava uma motocicleta e atropelou uma vaca.

G1-MT





domingo, 12 de julho de 2020

Homem é preso com câmera acoplada no tênis para filmar partes íntimas de mulheres no Metrô de SP


O homem de 41 anos é investigado pela Delegacia do Metropolitano (Delpom), onde prestou depoimento. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) não informou se ele permanece preso ou se foi solto.
Foto/Reprodução
Um homem de 41 anos foi preso por policiais civis após ser flagrado com uma câmera escondida no tênis na tarde deste sábado (11), na estação Carrão do Metrô, na Zona Leste de São Paulo.
Segundo a Polícia Civil, o homem é investigado pela Delegacia do Metropolitano (Delpom), onde prestou depoimento. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) não informou se ele permanece preso ou se foi solto.
De acordo com a nota da SSP, foram apreendidos uma microcâmera, cabos de vídeo, baterias, cartão de memória e um monitor de vídeo. Os objetos foram encaminhados para perícia junto ao Instituto de Criminalística (IC).
O Metrô foi procurado para comentar o caso, mas não respondeu até a publicação da reportagem.
97% das mulheres dizem ter sido vítimas de assédio no transporte público

G1-SP





sábado, 4 de julho de 2020

Humorista paraibano Renan da Resenha está internado com Covid-19: “Quero muito viver”


De acordo com o humorista, enfrentar a doença tem sido difícil, doloroso e assustador. Ele ainda lembrou que mesmo nessa situação, seu pensamento está na cura.
O humorista paraibano Renan da Resenha informou, neste sábado (4), através das redes sociais, que está internado para tratar a infecção pelo novo coronavírus.
Segundo o humorista, enfrentar a doença tem sido difícil, doloroso e assustador. Ele ainda lembrou que mesmo nessa situação, seu pensamento está na cura.
Renan classificou a doença como a maior batalha de sua vida e pediu orações para se recuperar da Covid-19.
“Essa é a maior batalha da minha vida e só tenho um pedido a vocês 🙏🏻 Rezem por mim gente! Quero muito viver… prometo recompensar cada oração com muita alegria e sorrisos naquele dia difícil que vc viver! Um beijo grande em cada um! VAMOS VENCER!”, diz trecho da publicação.
Confira na íntegra:




Gente, como milhares de pessoas no mundo fui pego pelo covid. 😔 estou internado em tratamento e usando todas as minha forças nesta batalha. Tem sido difícil, doloroso e assustador demais. Porém, não se passa nada em minha cabeça além da cura. Deus vai me curar junto a equipe médica que estão me tratando com maior carinho do mundo! Um médico me falou que já viu vários pacientes dele me assistindo enquanto se travavam, sempre com um sorriso no rosto. E concluiu que eu trabalho aqui também alegrando e ajudando a curar medos e depressões! Mas meu lugar é em casa, nos palcos, perto de vocês... Essa é a maior batalha da minha vida e Só tenho um pedido a vocês 🙏🏻 Rezem por mim gente! Quero muito viver... prometo recompensar cada oração com muita alegria e sorrisos naquele dia difícil que vc viver! Um beijo grande em cada um! VAMOS VENCER! “Estarás sobre a proteção do SENHOR, ao saíres e ao voltares, desde agora e para todo o sempre.” 🙏🏻❤️💪🏻
Uma publicação compartilhada por Renan Da Resenha (@renandaresenha) em
Paraíba Já




Homem é preso no Rio de Janeiro por suspeita de matar a mulher ele gravou vídeo pedindo 'mil desculpas'


Investigadores da Delegacia de Homicídios da capital confirmaram que é ele fala no vídeo publicado na rede social.
Foto/Reprodução
A Polícia Civil do RJ investiga a morte da arquiteta Thayane Nunes da Silva, encontrada sem vida nesta quinta-feira (2) no apartamento onde vivia em Campo Grande, Zona Oeste do Rio, na tarde de quinta-feira (2). O companheiro, Gilton Santos Pinto, é apontado como o principal suspeito. Ele foi preso após um acidente na BR-101 em que atingiu três carros.
Gilton postou nas redes sociais um vídeo em que pede “mil desculpas pelo que aconteceu” — mas não disse pelo quê. O vídeo foi apagado na sequência.
"Gente, eu estou aqui pedindo mil desculpas pelo que aconteceu hoje, para depois não me julgarem, julgarem os meus familiares. Porque a vida, é, ninguém sabe o que se passa com um casal", afirma Gilton no vídeo.
Investigadores da Delegacia de Homicídios da capital confirmaram que é ele fala no vídeo publicado na rede social.
De acordo com a Polícia Militar, o casal brigou em um quarto do apartamento e os vizinhos ouviram a discussão. Quando os policiais chegaram ao condomínio, o marido teria fugido e Thayane já estava morta. Ela foi estrangulada.
Thayane tinha mais de 40 mil seguidores e mostrava para eles uma rotina de casal apaixonado com o marido. Ela também exibia viagens e outra paixão: os exercícios físicos. Gilton postava frases de amor e sempre aparecia com a mulher.
Familiares e amigos postaram mensagens de pesar nas redes sociais.
Gilton saiu com o carro de Thayane e causou um acidente na Rodovia Rio-Santos, em direção ao litoral sul do Estado do Rio de Janeiro. Testemunhas contaram que ele dirigia pela contramão e bateu em três carros. Nove pessoas ficaram feridas, entre elas um desembargador do Tribunal de Justiça do Rio.
O suspeito teve fratura exposta em uma das pernas e recebeu voz de prisão no hospital onde está internado em Angra dos Reis.


G1




quinta-feira, 2 de julho de 2020

[VÍDEO] Prefeito de Itabuna anuncia reabertura do comércio: 'Morra quem morrer'


Estabelecimentos comerciais do município estão fechados desde março, quando primeiros casos de coronavírus foram registrados.
O comércio de Itabuna, cidade no Sul da Bahia, deve reabrir no próximo dia 9 de julho, quinta-feira. A informação é do prefeito Fernando Gomes, que publicou um vídeo falando que já mandou preparar o decreto e “abre dia 9, morra quem morrer”. 
Na gravação, Gomes afirma ainda que o município tem dez leitos disponíveis para o tratamento de pessoas que apresentem manifestação grave da covid-19, mas ele espera que “daqui para lá diminua essa situação nesses oito dias”.
Segundo informações do boletim divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) nesta quarta-feira (1º), Itabuna já teve 2.748 casos confirmados da covid-19 e 58 mortes desde o início da pandemia.
A cidade é maior do sul baiano, com uma população de cerca de 200 mil pessoas. Ela está localizada a cerca de 450 quilômetros de Salvador.
Na última semana, a previsão da prefeitura de Itabuna era colocar em prática a flexibilização das atividades comerciais a partir de 1º de julho. Porém, a reabertura foi adiada, já que o município registra 100% de ocupação dos leitos de UTI para pacientes com a Covid-19.
Existe a expectativa de abertura de dez novos leitos de UTI no Hospital de Base de Itabuna nos próximos dias.
A prefeitura de Itabuna também chegou a anunciar a flexibilização das atividades comerciais no início de junho, mas desistiu após uma recomendação do Ministério Público estadual (MP-BA). Os estabelecimentos não comerciais do município estão fechados desde março, quando os primeiros casos de coronavírus foram registrados.
Correio/G1





Flamengo esnoba Globo e inaugura Era da MP 984 com recorde de audiência


Clube carioca soma mais de 2 milhões de dispositivos conectados para exibição, ao vivo, de partida válida pelo Campeonato Carioca. Emissora de TV promete disputa judicial para preservar contratos
O atacante Pedro abriu o placar no Maracanã: Fla venceu o Boavista por 2 x 0 (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Clube carioca soma mais de 2 milhões de dispositivos conectados para exibição, ao vivo, de partida válida pelo Campeonato Carioca. Emissora de TV promete disputa judicial para preservar contratos
A expectativa era alta, pois havia risco de uma liminar judicial barrar a exibição da partida, mas o Flamengo venceu os capítulos iniciais da disputa com a Rede Globo e inaugurou a nova Era aberta pela Medida Provisória 984. De acordo com o texto, publicado no Diário Oficial da União em 18 de junho, os clubes mandantes têm poder de decidir o destino dos direitos de transmissão dos jogos de que participam. Sem acordo prévio com a maior emissora de TV do país, o time rubro-negro optou por exibir, ao vivo na internet, o confronto contra o Boavista, válido pela quinta rodada da Taça Rio, nesta quarta-feira (1/7), no Maracanã. Enquanto isso, a tevê transmitia o duelo entre Portuguesa-RJ e Botafogo, no Estádio Luso Brasileiro.
 Aparentemente, a investida da FlaTV foi bem-sucedida. Com o evento transmitido por canal e páginas do clube em três plataformas, o rubro-negro somou mais de 2 milhões de dispositivos conectados para visualizar a partida. O YouTube foi o meio preferido de audiência, acumulando a maioria das conexões. Aos 30 minutos do primeiro tempo, contabilizava exatos 2.020.700 acessos, diante de 144,3 mil do Facebook e 5,1 mil do Twitter. Os números marcam um recorde em eventos exibidos pela FlaTV. Contagem prévia do Ibope, indicaria 8 milhões de espectadores, na Globo, para o jogo do Botafogo. 
 Livre para negociar as transmissões dos jogos em que tiver o mando de campo, o Flamengo poderá também arrecadar valores relativos a patrocinadores ao longo da exibição do evento. Nesta quarta-feira (1/7), por meio do YouTube, milhares de torcedores faziam lances variados, de R$ 1 a R$ 100, para terem mensagens destacadas no chat da plataforma. Antes mesmo de o jogo começar, o clube havia divulgado arrecadação de mais de R$ 300 mil. Se o Maracanã estava vazio, não faltou calor e generosidade dos torcedores on-line. Houve ainda inserções de logomarca da cervejaria Brahma. 
 A Rede Globo, no entanto, promete manter a disputa judicial contra o rubro-negro. Segundo a emissora, contratos prévios relativos ao Campeonato Brasileiro, por exemplo, continuam valendo e não podem ser desconsiderados, a despeito da MP 984. A disputa do torneio nacional está prevista para iniciar em meados de agosto. Até o apito inicial, novas jogadas de efeito são esperadas no duelo entre clubes e canais de TV.
BRB
Diante do sucesso de audiência do Flamengo na internet, o Banco de Brasília (BRB) também tem motivos para comemorar. Nesta quarta-feira (1/7), a marca da instituição financeira foi exibida pela primeira vez no uniforme do time. O acordo de patrocínio firmado com o clube, por prazo de três anos, prevê aportes anuais de ao menos R$ 32 milhões. No entanto, segundo os dirigentes da agremiação, os valores podem chegar a R$ 50 milhões.
 A possibilidade de o valor total superar os R$ 32 milhões ocorre porque serão desenvolvidos produtos financeiros com o BRB, pelos quais o Flamengo receberá uma parte do faturamento. 
 A parceria com o banco da capital do país não prevê a realização de jogos em Brasília, mas a alguma chance de que isso ocorra no futuro. “É uma parceria que vai beneficiar a torcida, o Flamengo e o BRB. Se em algum momento a realização de jogos em Brasília for importante para torcida e para a parceria, poderá acontecer”, disse Paulo Henrique Costa, presidente do BRB. O vice-presidente de marketing do Flamengo, Gustavo Oliveira, confirmou a possibilidade.

Futebol Nacional/ Fernando Brito




terça-feira, 30 de junho de 2020

Mãe mata filha de 9 meses durante surto psicótico em SP


Foto/Reprodução
Uma mãe teve um surto e matou a filha de apenas 9 meses com uma faca no apartamento onde moravam na rua Continental, em São Bernardo do Campo, região metropolitana de São Paulo, na tarde desta segunda-feira (29). Ela ainda atacou a outra filha de 9 anos, que foi salva pelo tio. As informações são da Record TV.
Segundo a Polícia Civil, a suspeita estava no apartamento de luxo no décimo segundo andar com o cunhado e duas filhas. Em determinado momento, Jéssica Silva, de 27 anos, teve um surto e matou a filha, Ivyalla Silva Chaumett, de nove meses, com um corte no pescoço.
Ela chegou a ir em direção à segunda filha, mas foi impedida pelo cunhado, de origem haitiana. Eles chegaram a ter uma luta corporal mas Jéssica foi imobilizada. Os vizinhos ouviram a confusão e acionaram a Polícia Militar.
Quando os policiais chegaram na residência, Ivyalla já estava morta. A segunda filha junto com o cunhado foram encaminhados ao hospital. Jéssica também foi levada ao Hospital de Urgências do município.
Na delegacia, Jéssica contou aos policiais que tem problemas psiquiátricos e toma remédios controlados. Ela disse não lembrar ao certo o que aconteceu. Ela é casada com um médico haitiano que atua no Brasil, mas ele não estava no apartamento no momento do ataque.
O caso foi encaminhado ao 1º DP de São Bernardo do Campo, onde a ocorrência foi registrada como flagrante de homicídio qualificado.
O IML (Instituto Médico Legal) de São Bernardo do Campo informou que o corpo da bebê está no local desde a noite desta segunda.





Guedes confirma mais duas parcelas de R$ 600 do auxílio emergencial, diz TV


Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
O ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou à CNN na manhã desta terça-feira (30) que o governo federal vai prorrogar o auxílio emergencial em mais duas parcelas de R$ 600 cada. 
O anúncio oficial deve ser feito em cerimônia no Palácio do Planalto prevista para as 16h de hoje, com a presença do chefe da equipe econômica e do presidente Jair Bolsonaro.
O montante de cada nova parcela é o mesmo pago pelo governo nas três parcelas iniciais do benefício. Por esse motivo, não será preciso aprovar uma nova lei no Congresso – bastará um decreto presidencial prorrogando.
Cada nova parcela terá impacto de R$ 50 bilhões nas contas públicas. Pelos cálculos do Tesouro, as duas juntas elevarão o déficit público de 2020 em 1,5 ponto porcentual, para 11,5% do PIB.
A prorrogação do auxílio, apelidado de “coronavoucher”, em duas parcelas de R$ 600 vai ao encontro do que defendia o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). 
Bolsonaro chegou a anunciar que prorrogaria o benefício em três parcelas decrescentes de R$ 500, R$ 400 e R$ 300, mas acabou desistindo após resistência de Maia e outros parlamentares.






segunda-feira, 29 de junho de 2020

Novo vírus da gripe com “potencial pandêmico” e que tem porcos como hospedeiros é encontrado na China


Uma nova cepa do vírus da gripe com potencial de causar uma pandemia foi identificada na China, segundo um novo estudo.
Foto: Getty Images
Essa linhagem surgiu recentemente e tem os porcos como hospedeiros, mas pode infectar seres humanos, dizem os autores da pesquisa.
Os cientistas estão preocupados com o fato de que ela poderia sofrer uma mutação ainda maior e se espalhar facilmente de pessoa para pessoa e desencadear assim um surto global.
Eles dizem que a cepa tem “todas as características” de ser altamente adaptável para infectar seres humanos e precisa ser monitorada de perto.
Como se trata de uma nova linhagem do vírus influenza, que causa a gripe, as pessoas podem ter pouca ou nenhuma imunidade a ela.
Ameaça pandêmica
Uma nova cepa do influenza está entre as principais ameaças que os especialistas estão monitorando, mesmo enquanto o mundo ainda tenta acabar com a atual pandemia do novo coronavírus.
A última gripe pandêmica que o mundo enfrentou, o surto de gripe suína de 2009 que começou no México, foi menos mortal do que se temia inicialmente, principalmente porque muitas pessoas mais velhas tinham alguma imunidade a ela, provavelmente por causa de sua semelhança com outros vírus da gripe que circulavam anos antes.
O vírus da gripe suína, chamado A/H1N1pdm09, agora é combatido pela vacina contra a gripe que é aplicada anualmente para garantir que as pessoas estejam protegidas.
A nova cepa de gripe identificada na China é semelhante à da gripe suína de 2009, mas com algumas mudanças.
Até o momento, não representou uma grande ameaça, mas o professor Kin-Chow Chang e colegas que o estudam dizem que devemos ficar de olho nele.
Qual é o perigo?
O vírus, que os pesquisadores chamam de G4 EA H1N1, pode crescer e se multiplicar nas células que revestem as vias aéreas humanas.
Eles descobriram evidências de infecção recente em pessoas que trabalhavam em matadouros e na indústria suína na China.
As vacinas contra a gripe atuais não parecem proteger contra isso, embora possam ser adaptadas para isso, se necessário.
Kin-Chow Chang, que trabalha na Universidade de Nottingham, no Reino Unido, disse à BBC: “No momento estamos distraídos com o coronavírus e com razão. Mas não devemos perder de vista novos vírus potencialmente perigosos”.
Embora esse novo vírus não seja um problema imediato, ele diz: “Não devemos ignorá-lo”.
Os cientistas escrevem na revista Proceedings, da Academia Nacional de Ciências britânica, que medidas para controlar o vírus em porcos e monitorar de perto as populações trabalhadoras devem ser rapidamente implementadas.
O professor James Wood, chefe do Departamento de Medicina Veterinária da Universidade de Cambridge, disse que o trabalho “vem como um lembrete salutar” de que estamos constantemente sob o risco do surgimento de patógenos e que animais de criação, com os quais os seres humanos têm maior contato do que com a vida selvagem, podem ser uma fonte de vírus pandêmicos.

Com BBC Brasil






domingo, 28 de junho de 2020

Carro se divide ao meio em acidente e empresário morre em SC


Empresário perde a direção e carro de luxo ficou partido ao meio após colisão.
Carro ficou partido ao meio após colisão em SC Imagem: Reprodução/Twitter
Um empresário morreu em um grave acidente envolvendo dois veículos, no fim da manhã de hoje, na BR-101, em Biguaçú, na Grande Florianópolis. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a vítima foi identificada como Roberto Angeloni, de 51 anos. Ele pilotava um carro esportivo de luxo da marca Mercedes-Benz. O automóvel se dividiu ao meio ao bater em um poste à margem da rodovia.
De acordo com a PRF, antes de atingir a estrutura, o veículo ainda colidiu com uma caminhonete modelo Ranger que seguia na direção contrária da pista. O acidente teria ocorrido após o empresário perder o controle do veículo em uma curva. Roberto, que morreu na hora, era empresário do Grupo Angeloni, que mantém uma rede de supermercado em Santa Catarina e Paraná.
Os dois ocupantes da Ranger eram um casal. A mulher sofreu lesões de grau leve e precisou ser levada para atendimento médico em um hospital da região, já o homem não ficou ferido.
"O motorista é um dos filhos da Rede Angeloni. Ele seguia em velocidade alta e perdeu o controle durante uma curva, vindo a colidir em uma caminhonete. O carro bateu em um poste e foi dividido na metade", ratificou o inspetor Luiz Graziano, da PRF.
Estado do carro de luxo após a colisão, partido ao meio Imagem: Reprodução/Twitter
De acordo com a Arteris Litoral Sul, concessionária do trecho, a batida aconteceu no quilômetro 184 da rodovia no sentido Curitiba.
A equipe da PRF ainda permanecia no local ao longo da tarde para periciar o carro e o trecho a fim de confirmar as causas do acidente. A corporação não soube precisar o modelo do carro pilotado pelo empresário, mas estima que o veículo tenha mais de 500 cavalos de potência. Ainda segundo o inspetor, apenas a perícia será capaz de apontar a velocidade que o veículo estava no momento do acidente.
Em nota, o Grupo Angeloni informou que Roberto "atualmente ocupava o cargo de gerente de operações da Rede". Além dos pais, ele deixa dois irmãos, sobrinhos, tios e primos. A nota não menciona esposa, nem filhos.
"Seu falecimento precoce deixa ainda imensa lacuna entre amigos e colegas, que guardam a imagem de um profissional sério e dedicado, que tinha como sonho levar o Angeloni a uma posição sempre mais destacada", concluiu.

LEIA TAMBÉM: MULHER DE MAJOR SALES-RN PROCURA ENCONTRAR A MÃE QUE NÃO TEM NOTÍCIAS A 47 ANOS'
alternative text for the liked image

Uol





Facebook: Polícia alerta pais sobre Homem-Pateta que induz crianças ao suicídio


Reprodução/Facebook
A Polícia Civil de Santa Catarina divulgou, na última semana, um alerta aos pais de crianças e adolescentes sobre um novo perigo no Facebook: o Homem-Pateta. Perfis na rede social com o nome “Jonathan Galindo” têm assustado os menores de idade com conteúdo aterrorizante e mensagens que podem induzir ao suicídio.
Os responsáveis por esses perfis usam como foto principal a imagem de um homem com uma máscara – um pouco deformada e assustadora – imitando o Pateta, personagem da Disney. De acordo com a Polícia Civil de Santa Catarina, a origem desses perfis se deu em 2017 em países de língua espanhola, sendo muito conhecidos no México. No entanto, recentemente foram identificados imitadores no Brasil, com conteúdo já em português.
“Esses perfis têm poucas postagens e desafiam as pessoas a segui-los e enviar uma mensagem privada. Feito isso, é só esperar o retorno deles, que se dá através do envio de mensagens, vídeos, áudios ou até mesmo de uma ligação por vídeo ao vivo. O conteúdo da resposta tem a intenção de causar desconforto, medo e, em alguns casos, tenta provocar o suicídio”, explica o agente da Polícia Civil Ivan de Souza Castilhos, integrante do Núcleo de Inteligência e Segurança Institucional.
O alerta serve para chamar a atenção dos pais sobre o conteúdo consumido pelos seus filhos na internet e o perigo no Facebook ou em outras redes sociais. Não é a primeira vez que esse tipo de conteúdo viraliza na internet, lembrando o “jogo” Baleia-Azul e a personagem Momo. “Deixar um filho sozinho na internet é o mesmo que abandonar uma criança no meio da rua numa madrugada”, afirma a delegada Patrícia Zimmermann D’Ávila, coordenadora da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso) em Santa Catarina.

LEIA TAMBÉM: Avon demite executiva que mantinha idosa em situação análoga à escravidão'
alternative text for the liked image

Grande Ponto





Avon demite executiva que mantinha idosa em situação análoga à escravidão


A Avon anunciou na noite desta sexta-feira (26), a demissão da executiva Mariah Corazza Üstündag, de 29 anos. A demissão ocorreu após a descoberta de que a ex-funcionária mantinha em sua casa uma mulher idosa em condição análoga à escravidão. Mariah é filha da cosmetóloga Sônia Corazza, conhecida consultora na indústria de produtos de beleza.
“Com grande pesar, a Avon tomou conhecimento de denúncias de violação dos direitos humanos por um de seus colaboradores. Diante dos fatos noticiados, reforçamos nosso compromisso irrestrito com a defesa dos direitos humanos, a transparência e a ética, valores que permeiam nossa história há mais de 130 anos. Informamos que a funcionária não integra mais o quadro de colaboradores da companhia. A Avon está se mobilizando para prestar o acolhimento à vítima”, disse a empresa, em nota enviada ao UOL.
Segundo o Ministério Público do Trabalho (MPT), a idosa trabalhava para a família desde 1998, quando Sônia contratou a mulher como empregada doméstica. Por 13 anos, a mulher trabalhou sem registro em carteira, sem férias e sem décimo terceiro salário. De acordo com o relato da vítima, a situação piorou em 2011, quando a casa dela desabou e ela passou a morar de favor na casa da mãe de Sônia. A mulher continuou trabalhando como empregada, mas não recebia mais um salário.
Mariah Corazza Üstündag chegou a ser presa em flagrante na quinta-feira (18), mas foi solta após pagar fiança de R$ 2,1 mil. O marido dela, Dora Üstündag, de 36 anos, também foi indiciado pela Polícia Civil. Na quinta-feira (25), os três tiveram os bens bloqueados pela Justiça do Trabalho em São Paulo. O valor do bloqueio chega a R$ 1 milhão. A pedido do Ministério Público do Trabalho a Justiça também determinou a liberação de três parcelas do seguro-desemprego para a vítima.
No âmbito criminal, Mariah e Dora foram indiciados por redução a condição análoga à de escravo, abandono de incapaz e omissão de socorro. Sônia só foi denunciada na ação trabalhista. O advogado Eliseu Gomes da Silva afirmou à Folha que a família não vai se manifestar neste momento sobre o que aconteceu.

LEIA TAMBÉM: Filha de Leandro se tornou médica após perder o pai para o câncer
alternative text for the liked image






Mãe confessa que matou filho de 11 anos enforcado: 'desobedecia ordens'


Ela passou cerca de um mês afirmando para polícia que a morte do menino havia sido um acidente.
Foto/Reprodução
No último sábado (27), Alexandra Dougokeski, de 33 anos, prestou um novo depoimento à polícia e confessou que usou uma corda de varal para esganar o filho, Rafael, por ele insistir em desobedecer ordens. O caso aconteceu na cidade de Planalto, no norte do Rio Grande do Sul. Ela passou cerca de um mês afirmando que a morte do menino havia sido um acidente. 
Em seu novo depoimento, Alexandra contou que, por volta da meia noite de 15 de maio, deu dois comprimidos de Diazepam ao filho, após tê-lo repreendido por passar diversas noites em claro mexendo no celular. Ela conta então ter ido dormir. Por volta das 2h, teria acordado e, ao constatar que o menino ainda estava acordado, mesmo após a ingestão do medicamento, se descontrolou.
Em uma coletiva de imprensa depois do depoimento, o diretor de investigações do Departamento de Homicídios, Eibert Moreira Neto disse que ela após perder o controle "resolveu de fato estrangular ele. Porque ele estava de forma reiterada desobedecendo suas ordens. Fica extremamente claro como ela fez, diferentemente de tudo o que ela tinha dito até então". 
A mulher ainda explicou que não teve a ajuda de ninguém para cometer o crime. Ao ser questionada em como retirou o corpo do local, Alexandra disse que amarrou o filho com uma corda e levou o corpo para esconder em uma caixa de papelão que estava na garagem do vizinho, que fica próxima a residência dela. 


LEIA TAMBÉM: MG: Mãe mata filha de 4 anos com tiro na cabeça e depois comete suicídio
alternative text for the liked image

Metropoles





sábado, 27 de junho de 2020

Ex-namorado mata professora queimada dentro de carro em parque de exposição em MT


O suspeito Carlos Eduardo Cordeiro da Luz, de 20 anos, se matou no local após o crime.
Keylane Costa Martins, de 25 anos, foi morta e queimada dentro do carro dela em Santa Carmem — Foto: Facebook
Uma jovem foi morta na manhã deste sábado (27) pelo ex-namorado dela em Santa Carmem, a 493 km de Cuiabá. De acordo com a Polícia Civil, a vítima, Keylane Costa Martins, de 25 anos, foi morta e queimada dentro do carro dela. O suspeito Carlos Eduardo Cordeiro da Luz, de 20 anos, se matou no local após o crime.
O crime ocorreu no parque de exposição da cidade, por volta de 6h30.
Segundo a Polícia Civil, policiais militares foram chamados no parque de exposição depois que os moradores viram um veículo em chamas com um corpo dentro. O suspeito estava enforcado próximo do carro.
A vítima tinha histórico de violência doméstica e outros problemas. Carlos já foi preso pela Lei Maria da Penha em 2019.
Diante do flagrante, o local foi isolado, Polícia Civil e Perícia Oficial de Identificação Técnica constatou que o carro estava em nome de Keylane Costa Martins, 25, apontada como a possível vítima carbonizada. Além de o veículo estar no nome dela, a jovem não foi localizada pela Família. Keylane e Carlos tiveram um relacionamento, mas ele não aceitava o término e insistia em uma volta.
A Perícia apontou que perto do rosto e do pescoço de Carlos haviam arranhões, o que pode significar uma tentativa de defesa da vítima, que acabou sendo morta e queimada pelo companheiro e em seguida, tirou sua própria vida.
Como o corpo de Carlos estava conservado, ele acabou sendo identificado por populares. As famílias foram avisadas por telefone. Mas, apesar de todos os indícios, a confirmação de que o corpo é de Keylane só será feita após um exame da Perícia.
Nas redes sociais, amigos já começam manifestam o luto por Keylane. Ela era pedagoga e ainda cursava arquitetura e urbanismo. Os corpos foram removidos pela Politec e o caso será investigado pela Polícia Civil de Sinop.
Ex-namorado matou professora queimada dentro de carro em parque de exposição em Santa Carmem — Foto: Divulgação
O Noroeste


Desesperada, mãe procura delegacia para fazer BO contra a filha que não consegue arranjar marido


A senhora acreditava que, por meio de um BO, conseguiria tirar a filha de casa, arranjando um marido para ela.
E quando você pensa que viu de tudo, sempre aparece um personagem com uma história inusitada, ainda mais se tratando de Curitiba, a terra onde tudo acontece.
Por lá, uma idosa passou de todos os limites. Desesperada, na última terça-feira, 23, ela saiu de casa em meio à pandemia de coronavírus, arriscando a própria saúde, para ir até o 10º Distrito Policial, no bairro Sítio Cercado, em Curitiba. Tudo para fazer um Boletim de Ocorrência – BO, contra a filha, alegando que ela precisa sair de casa e arranjar um marido pra ontem.
“A gente acha que já viu de tudo, aí acontece isso. Uma senhora desesperada veio aqui e disse que queria fazer um BO para que os policiais arranjassem um casamento para sua filha de 36 anos. Explicamos que não somos uma agência de casamento e que aquilo não era crime, então direcionamos ela para procurar de outra forma”, disse o investigador Henrique Lima, do 10º Distrito Policial.
De acordo com o investigador, a idosa recebeu a orientação de forma tranquila, mas chateada por não conseguir arranjar um genro.
“Ela era bem tranquila e a gente fez essa parte de orientar. Tem algumas situações atípicas realmente no nosso dia a dia. O policial acaba tendo que atender cada coisa”, falou.
Após a orientação, a idosa foi embora, ciente que agora terá que apelar para aplicativos como tinder ou até programas de namoro na televisão. O duro é que, com o coronavírus, nem estes serviços estão funcionando direito.

Banda B



Filha de Leandro se tornou médica após perder o pai para o câncer


A filha do cantor Leandro, que fazia dupla com o irmão Leonardo, Lyandra Mota Costa, chamou a atenção nesta semana ao compartilhar uma foto na rede social em que aparece ao lado do pai, como uma homenagem pelos 22 anos de morte do artista.
Aos 24 anos de idade, ela, além de fazer alguns trabalhos como modelo e digital influencer no Instagram, também formou em medicina e hoje atua como dermatologista em Goiânia.
Lyandra escolheu  fazer medicina após perder o pai para um câncer raro, quando ela tinha apenas três anos de vida. “Mas não fiz só por conta de ele ter tido câncer. Fiz porque amo medicina e não me vejo fazendo outra coisa. Sempre gostei de ajudar as pessoas e sempre achei que era meu dom”, disse ela em entrevista à revista Quem.
“22 anos sem você. O que ficou são as fotos, algumas roupas suas e com certeza o amor imortal que existe entre nós! Saber que um dia nos encontraremos é reconfortante e traz paz ao meu coração”, começou a médica em seu texto. “Queria tanto você aqui… sei que você também queria estar aqui, mas os planos de Deus são os planos de Deus. Não vou me delongar aqui porque eu sofro com as minhas emoções. Te amo e até breve”, finalizou.
Para ilustrar a homenagem, Lyandra relembrou uma imagem de sua infância, em que aparece abraçada com o pai. Confira a publicação abaixo:
Isto é


MG: Mãe mata filha de 4 anos com tiro na cabeça e depois comete suicídio


Uma tragédia mexeu com a população de Sete Lagoas na última segunda-feira (22). De acordo com a Polícia Militar, a mãe Fabiana Aparecida Fernandes Teixeira Nascimento, de 46 anos, matou a filha, Laura, de apenas quatro anos, com um tiro na cabeça, e depois tirou a própria vida com a arma. Tudo ocorreu na casa da família, no Bairro Nova Cidade.
Segundo o marido da vítima, Darlys Nascimento, ele saiu de casa às 9h20 para resolver um problema particular, deixando em casa a mulher, a filha e dois filhos, Darlys Júnior, de 19 e um de 14. Ao retornar, às 10h30, deparou com os dois filhos em pranto, na porta de casa.
Os filhos contaram que, logo que o pai saiu, a mãe pediu que fossem ao Supermercado efetuar algumas compras. Ao retornarem, encontraram a porta do quarto do casal trancada. Bateram e chamaram pela mãe, mas como ela não respondeu, arrombaram e adentraram, encontrando a mãe e a irmã mortas, caídas numa grande poça de sangue.
Desesperados, saíram correndo da casa, até a chegada do pai.
Segundo os vizinhos, um estampido foi ouvido, vindo da casa de Darlys e Fabiana. Em seguida, um segundo tiro, mas todos pensavam que seria de bombas de festa junina.
Darlys, no entanto, contou que a mulher andava depressiva, se culpando por ter tido uma filha com mais de 40 anos. A história foi confirmada pela irmã de Fabiana, Jaqueline Fernandes.
Ela contou que Fabiana havia dito, há 15 dias, que tinha medo de que a filha fosse discriminada por ser muito mais nova que os irmãos.
O caso foi encaminhado à Delegacia de Homicídios de Sete Lagoas, e as investigações estão a cargo da delegada Marisa Andrade.

EM



Pai mata filha de 1 ano para se vingar da ex-esposa em RO


Crime foi em uma estrada rural de Ariquemes. Suspeito confessou o crime e foi preso.
Aline Souza foi morta pelo pai em Ariquemes — Foto: Arquivo Pessoal
Um homem de 28 anos foi preso por matar a própria filha, de um ano e nove meses, para se vingar da ex-esposa em Ariquemes (RO), na noite de quinta-feira (25). Segundo a Polícia Militar (PM), a ex-esposa não queria reatar o relacionamento com o suspeito e, por causa disso, ele enforcou e golpeou a criança várias vezes na cabeça com um pedaço de madeira. A menina foi identificada como Aline Santos Souza Silva.
O registro da PM diz que a guarnição estava indo atender a ocorrência de feminicídio, no loteamento São Francisco, quando o próprio suspeito apareceu no meio da estrada e acenou aos policiais, solicitando a parada da viatura na linha C-55, zona rural.
Na ocasião, o homem disse ter acabado de matar a própria filha, uma menina de um ano e nove meses. A guarnição colocou o suspeito na viatura e foi até o local do fato, onde encontrou o corpo de Aline coberto por um lençol.
Quando questionado sobre a motivação do crime, o homem relatou aos policiais ter descoberto que a ex-esposa estava tendo um novo relacionamento. Por causa desse envolvimento amoroso, a ex-companheira afirmou não querer mais reatar a relação com o suspeito.
Para se "vingar" da ex-companheira, o suspeito foi até a casa da avó da criança, alegou estar com saudades da filha e pediu para levar Aline com ele, na noite de quinta-feira. Logo depois de sair da residência com a criança, enquanto andava pela estrada rural, o homem começou enforcar a própria filha, que logo começou a expelir sangue pelas vias aéreas.
Nesse momento o suspeito ainda jogou Aline no chão da estrada e passou a golpear a menina na cabeça com um pedaço de madeira, "até sentir que de fato tinha retirado a vida do corpo de sua filha", segundo a PM.
Depois de matar a filha, o homem foi até a casa da ex-mulher e afirmou ter matado a filha deles, mas a mulher não acreditou. Com isso, o suspeito se dirigiu à casa de um vizinho e pediu para o mesmo acionar a PM. Enquanto esperavam pela viatura, moradores colocaram um lençol sobre o corpo da menina.
O homem foi preso em flagrante e levado à Unisp de Ariquemes.




G1-RO

Governo anuncia parceria que prevê produção de 100 milhões de vacinas para Covid-19


O governo federal anunciou neste sábado, 27, acordo de cooperação para desenvolvimento e acesso do Brasil à vacina para covid-19. O acordo, fechado com a Universidade de Oxford e a AstraZeneca, prevê a compra de lotes da vacina e da transferência de tecnologia. "Se demonstrada eficácia, serão 100 milhões de doses à disposição da população brasileira", afirma o Ministério da Saúde em comunicado sobre a parceria. A pasta está detalhando o acordo em entrevista coletiva à imprensa que ocorre neste sábado.
A vacina é desenvolvida pela Universidade de Oxford e pela AstraZeneca, sendo uma das mais promissoras no mundo. No Brasil, a tecnologia será desenvolvida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).
A implementação do acordo ocorrerá em duas etapas. Na primeira, haverá uma encomenda em que o Brasil assume também os riscos da pesquisa. "Ou seja, será paga pela tecnologia mesmo não tendo os resultados dos ensaios clínicos finais". E, em uma segunda fase, caso a vacina se mostre eficaz e segura, será ampliada a compra
O ministério explica que, na fase inicial, de risco assumido, serão 30,4 milhões de doses da vacina, no valor total de US$ 127 milhões, incluídos os custos de transferência da tecnologia e do processo produtivo da Fiocruz, estimados em U$ 30 milhões. Os dois lotes a serem disponibilizados à Fiocruz, de 15,2 milhões de doses cada, deverão ser entregues em dezembro de 2020 e janeiro de 2021.
"O governo federal considera que esse risco de pesquisa e produção é necessário devido a urgência pela busca de uma solução efetiva para manutenção da saúde pública e segurança para a retomada do crescimento brasileiro", diz a pasta.
Se a vacina for segura e eficaz e tiver o registro no Brasil, serão mais 70 milhões de doses, no valor estimado em US$ 2,30 por dose.
"Com o acordo que será firmado, o Brasil se coloca na liderança do desenvolvimento da vacina contra o coronavírus. A iniciativa, assim, não apenas garante que o produto esteja à disposição, mas dará autonomia brasileira na produção", destaca o ministério.
Estadão Conteúdo