NOME NOME

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Brasileiros são presos depois de tentar vender metralhadora pelo Facebook



Os acusados foram detidos no Paraguai; com eles foi encontrada a Mini-Uzi calibre 9mm colocada à venda
Eles foram descobertos depois de ofertar a arma pela rede social. (Foto: Reprodução/IRCTV/Central Santa Rita de Notícias)
Dois brasileiros foram presos na tarde desta segunda-feira (29), por volta das 14h, acusados de tentarem vender uma metralhadora Mini-Uzi calibre 9mm com dois carregadores em um grupo do Facebook. A prisão ocorreu na cidade Santa Rita, no Paraguai.
O Departamento de Factos Puníveis, da Polícia Nacional do Paraguai, chegou até os dois homens enquanto investigava o tráfico de armas no país vizinho. Segundo o relatório policial, a oferta da arma foi feita em uma página chamada ‘Santa Rita Comercial’. Durante a operação policial, a metralhadora foi encontrada embrulhada na casa de um dos acusados.
Ainda segundo a polícia paraguaia, Flausino Soares, 44 anos, vive em Santa Rita enquanto Volnei Dos Santos, 33 anos, mora em Chopinzinho, no interior do Paraná. Ambos serão encaminhados à Delegacia de Alto Paraná, no Paraguai, e as provas serão encaminhadas ao Ministério Público do país.
As investigações continuam para identificar outros envolvidos com o tráfico de armas.


*Com informações de Rebeca Branco, repórter da RICTV Curitiba

comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog