NOME NOME NOME

quarta-feira, 7 de março de 2018

Celular explode no bolso e comerciante queima as nádegas



O comerciante realizava compras em um supermercado quando começou a gritar e percebeu que uma fumaça estava saindo do bolso de trás de sua bermuda.
O celular ficou completamente destruído depois da explosão; a empresa não irá se pronunciar até o consumidor relatar o incidente (Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução/r7)
Um comerciante queimou os glúteos depois que um aparelho celular, que era carregado no bolso traseiro da bermuda, explodir na manhã desta terça-feira (6), em Santos, no litoral de São Paulo. A vítima fazia compras em um supermercado ao lado da mãe quando o caso aconteceu.
De acordo com testemunhas, o homem de 40 anos começou a gritar de dor e percebeu que uma fumaça estava saindo do bolso de trás da sua bermuda. Foi nesse momento que ele percebeu que o aparelho tinha explodido mesmo sem ser usado.
A vítima acabou queimando as mãos quando tentou retirar o aparelho, modelo Moto G4, da Motorola, do bolso.  Apesar da gravidade, o homem sofreu queimaduras de 1º grau e algumas pequenas de 2º grau. Sendo liberado após o atendimento. A empresa informou que não irá comentar sobre o caso até conversar com o consumidor.

R7

comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog