NOME NOME

segunda-feira, 26 de novembro de 2018

Ex-funcionária é suspeita de matar empresário com facada em Curitiba



Nas imagens que estão com a polícia, a mulher aparece pegando uma faca, entrando em luta corporal com a vítima e atingindo o coração e as costas do ex-chefe.
Segundo familiares, a mulher foi mandada embora por justa causa e, desde então, passou a ameaçar Dellani (Foto: Paulo Fischer/RICTV Curitiba)
Um empresário foi morto a facadas na madrugada do último sábado (24) dentro de uma residência no bairro Cajuru, em Curitiba. A suspeita de cometer o crime é uma ex-funcionária de Antonio Dellani.
De acordo com a Polícia Militar (PM), o empresário, de 71 anos, estava sozinho quando o crime aconteceu. Segundo familiares, o homem saiu de casa dizendo que iria até um dos seus imóveis, que funciona uma auto escola.
Preocupados com a demora, a família resolveu ir até a empresa e verificar o que havia acontecido. Quando entraram no local, um dos filhos encontrou Dellani morto em um sofá.
No primeiro momento, a polícia levantou a hipótese de latrocínio -que é roubo seguido de morte-, mas essa linha de investigação foi descartada rapidamente, já que no imóvel havia dinheiro, objetos de valor e a caminhonete da vítima permanecia estacionada.
Com o início do trabalho de investigação, o crime praticamente já foi esclarecido. Há seis meses, Dellani sofreu um assalto.Depois disso, ele investiu em um equipamento com câmeras de segurança. Acaso do destino ou não, o equipamento revelou quem matou o empresário.
Após checar as imagens, a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) identificou uma mulher, de aproximadamente 45 anos, saindo do imóvel. 
Ela seria uma ex-funcionária do empresário. Segundo familiares, ela foi mandada embora por justa causa e, desde então, passou a ameaçar Dellani.
Nas imagens, a mulher aparece pegando uma faca, entrando em luta corporal com a vítima e atingindo o coração e as costas do ex-chefe. Amigos e familiares reconheceram assassina ,que é procurada pela polícia.
O crime chocou amigos e familiares de Antonio Dellani.

Ric Mais
<

comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog