NOME NOME

terça-feira, 29 de janeiro de 2019

Viatura da Rotam capota e deixa dois policiais gravemente feridos na BR-040, em Luziânia-GO



Outros dois militares que estavam na viatura sofreram lesões leves e foram atendidos no local. Soldado Bonfim e o sargento Caixeta foram levados para o Hospital de Base em Brasília e estão em estado grave
A suspeita é que o acidente tenha acontecido após uma tentativa de ultrapassagem (Foto: Reprodução/ Redes Sociais)
Uma viatura da Polícia Militar de Goiás (PMGO) capotou na noite desta segunda-feira (28), na BR-040, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. De acordo com a PM, a viatura pertence ao Batalhão de Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam). Quatro policiais estavam no veículo. Dois deles ficaram gravemente feridos.
Segundo a corporação, a suspeita é que o condutor da viatura tenha tentado realizar uma ultrapassagem no quilômetro 12 da rodovia, momento em que perdeu o controle da direção e o veículo capotou. Com o impacto do acidente, dois militares foram arremessados para fora da viatura e sofreram traumatismo craniano gravíssimo. Eles foram socorridos por ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e foram levados para a Unidade de Pronto Atendimento do Jardim Ingá. Posteriormente, as vítimas foram transferidas para o Hospital de Base, em Brasília.
Um helicóptero do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal realizou a transferência do soldado André Felipe Bonfim Henriques. Já o outro policial, identificado como sargento Caixeta, foi levado pelo Samu. O Hospital de Base de Brasília informa que não repassa o estado de saúde dos pacientes sem autorização da família.
Contudo, a PMGO informa que os policiais estão em estado geral grave. O soldado Bonfim passou por uma cirurgia no crânio e não foi necessário drenar o tórax. Ele está em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e será transferido para um hospital particular. Já o sargento Caixeta, passou por um procedimento cirúrgico no abdômen e a cirurgia no crânio não foi realizada porque o estado de saúde é mais delicado. Ele está em uma UTI e não pode ser transferido. Os outros dois policiais que estavam na viatura não sofreram lesões graves e receberam atendimentos no local.

Mais Goiás
<

comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog