NOME NOME

segunda-feira, 18 de março de 2019

Universitária vítima de agulhadas no carnaval é estuprada em Olinda-PE; Suspeito é preso



Uma estudante administração de 22 anos foi estuprada logo depois de sair do Terminal Integrado da PE-15, em Ouro Preto, Olinda. De acordo com ela, o suspeito, localizado e preso em seguida, a abordou quando ela seguia para casa, que fica a poucos metros de onde ela desceu do ônibus, e a ameaçou. “Na metade do caminho, vi que tinha alguém atrás de mim, mas não liguei porque achei que era alguém que eu conhecia. Aí ele agarrou meu pescoço e botou a fada na minha cintura”, contou ela. Rendida, a estudante foi levada para um terreno baldio, onde ocorreram os abusos.
Quando conseguiu fugir do local, ela pediu ajuda em uma oficina mecânica nas proximidades. Ao ouvirem o relato, populares começaram a procurar o suspeito nas proximidades. O homem, identificado como Osvalmir Nascimento da Silva, de 41 anos, foi achado e espancado. Quando a polícia finalmente chegou ao local, o levou para a UPA da Cidade Tabajara e em seguida para a delegacia do Varadouro, em Olinda. A vítima também compareceu ao local para formalizar uma queixa.
Apesar dos relatos detalhados da estudante, Osvalmir contestou a versão dele e se disse inocente. Para comprovar o estupro, a mulher foi submetida a exames sexológicos e encaminhada para a realização de profilaxia para doenças sexualmente transmissíveis no Hospital Correia Picanço. A presença dela na unidade chamou a atenção dos profissionais de saúde por ela já se encontrar em outro tratamento por ter sido uma das vítimas das agulhadas no carnaval.

OP9

comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog