NOME NOME

sábado, 15 de junho de 2019

Náufragos de barco que afundou em Noronha chegam a Natal



Marinha do Brasil resgatou nove dos dez náufragos da embarcação Navegantes, que afundou quando seguia do Recife para o Arquipélago. Buscas por desaparecido continuam.
Nove pessoas que estavam em embarcação que naufragou em direção à Noronha foram resgatadas pela Marinha na noite de quinta-feira e chegaram a Natal nesta sexta-feira. Foto: Alexandre Cassiano/TV Ponta Negra
“Foi tudo muito rápido. Foi Deus quem nos salvou”. Muito emocionado, Edivan Baracho, um dos passageiros da embarcação Navegantes, que naufragou na direção do caminho do Arquipélago de Fernando de Noronha na quinta-feira (13), definiu assim o resgate dele e de oito colegas retirados do mar. O potiguar do município de Touros, no Litoral Norte do Rio Grande do Norte, chegou ao continente ao lado dos colegas no Navio-Patrulha Guaíba pouco antes das 11h desta sexta (14).
O grupo foi encontrado na noite da quinta-feira, mais de 12h depois que o barco afundou. A Marinha do Brasil continua em busca de um tripulante, identificado apenas como Marcos, que continua desaparecido. De acordo com informações dos resgatados, a embarcação estava carregada com material de construção. “Só Deus sabe o que passamos, pois não é fácil. A gente pensa muito na família. Quando vimos o navio da Marinha, fiquei muito feliz. Graças a Deus estamos voltando”, desabafou o pernambucano Paulo Penha de Moura, que também trabalhava na embarcação.
Os nove tripulantes resgatados foram recebidos pelo Comando do 3º Distrito Naval e seguiram em ambulâncias para a realização de exames. Eles foram divididos em dois grupos e, antes de seguiram para a unidade de saúde, se abraçaram comemorando a vida.
Tárcio Barbosa, que trabalhava na embarcação ao lado do pai, Paulo, relatou nunca haver passado por situação semelhante. Já Paulo afirmou já ter embarcado outras vezes, principalmente com destino a Noronha, mas nunca tinha vivido um naufrágio.
Paulo trabalhava ao lado do filho, Tárcio Barbosa, na embarcação. Ambos relataram nunca haver passado por situação semelhante. Paulo acredita que o barco naufragou devido aos ventos fortes. “Conseguimos sair rápido da embarcação e um de nós, Marcos, também ficou na água, mas devido à escuridão não conseguimos mais vê-lo”, relatou.
A embarcação Navegantes saiu do Recife, no dia 12 de junho e naufragou a uma distância de 80 milhas náuticas do continente, o equivalente a 148 quilômetros de distância de João Pessoa (PB). Confira os nomes dos nove náufragos resgatados pela Marinha:
Edivan Baracho
Evaldo Alves
Daniel Soares
Múcio Ramos
César Cláudio
Paulo Penha de Moura
Milton Luiz
Severino Ramos
Tárcio Barbosa
OP9

comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentarios aqui publicados não expressam a opinião do blog